FANDOM


Made in Japan

Este é um artigo com tecnologia do sol nascente né.
E pode pedir para você fazer 6 horas de zangiyou.

O Gyodai pode te transformar em um idiota gigante se você maltratar o pobre artigo.


Made in Nihon ;]~

Este é um artigo kawaii com tecnorogia japonesa, né? (ou não :9)
Os otakus adoram falar sobre isso ç_ç
Mas se vandarizar, vão enviar você para o Makai 8P


60px Este artigo é completamente ilegível,ou foi proposital ou foi escrito por um Analfabeto!
Se você não conseguir ler esse lixo, use uma lupa ou troque de óculos, seu nerd!experimente selecionar o texto também.
Nota: Tente aumentar a fonte de exibição ou vá ver o site da Xuxa.


Ficheiro:RelogioKanji.JPG

Cquote1Você quis dizer: AlívioCquote2
Google sobre Kanji

Cquote1 Nós somos os criadores dos Kanjis! Cquote2
Chinês sobre Kanji

Cquote1 Agora são nossos. MWHAHAHAHAHA!! Cquote2
Japonês sobre Citação acima

Cquote1 A gente pegou essa merda e simplificou pra 24 letras. MWHAHAHAHAHA!! Cquote2
Coreano sobre Citação acima

Cquote1 Você encontra Kanjis em todo o lugar. Cquote2
Capitão Óbvio sobre Kanji

Cquote1 俺は漢字を読む書く事が出来る (Eu sei ler e escrever em Kanji) Cquote2
明らか大尉(Capitão Óbvio do Japão) sobre Kanji

Cquote1 Porque lá em Pato Branco existia um cara que escrevia com o pé daí. Cquote2
Bozena sobre Kanji

Cquote1 A regra é clara. Cquote2
Arnaldo César Coelho sobre como escrever kanjis.

Cquote1 Ah tá. Então eu risco aqui, estico ali, dou três pulinhos, uma porrada na mesa e arranco um pentelho? Cquote2
Você fingindo entender como se escreve um kanji.


Kanji é mais um monte daqueles 1249126487 carácteres japoneses que você encontra pelo mundo todo e só consegue entender com algum ritual de macumba otaku muito W00t lendo japones. Só que este tipo é diferente, sendo utilizado com os silabários Katakakakakanatana e rir-com-a-grana (não me venha perguntar que troço é este). As crianças japonesas têm que aprender 387 kanjis antes de aprenderem quanto são 2+2.

Esta coisa tosca também é utilizado no Brasil, aonde muitas pessoas utilizam, na maioria, em tatuagens só para dizer que é otaku para conseguir ir em algum Evento de Anime, e outras muitas variáveis opções. Muitos idiotas otaku acabam tatuando no braço "Prato do Dia" porque viram esses kanjis num restaurante da liberdade e acharam bonitinhos. Apesar disto, devido aos imenso número de Kanjis já criados, um ministério "Ler-Japonês-e-Fuder-Com-o-Inglês" criou uma lista grande para cacete com exatamente 1945 kanjis distribuidos por ordem, traço, sílaba, opção, definição, orientação sexual e, merda contida.

História Editar

Ficheiro:Kanji Group.jpg

Existe muitas discordâncias de como estes caracters chineses (isto mesmo) foram trazidos pro Japão. Algumas pessoas dizem que os Japonses trouxeram esta coisa tosca por volta do "Século V" quando descobriram Kanjis. Outras dizem que Kanjis vieram por barcos chineses ilegais carregados de drogas e DST para tentar fuder com o Japão, mas só prestou para que os japoneses lessem as merdas escritas no carregamento ilegal. Apesar disto tudo, Kanjis estavam antigamente mesmo na China, lidos como tal. Com o passar do tempo que o Japão ficasse fazendo teoria da conspiração na China conhecendo mais sobre estas letras toscas, foi desenvolvido um sistema chamado "Caboom!!". Este sistema foi desenvolvido para usar sinais escrotos nos textos chineses para que os japoneses (ou pelo menos quem lê japonês), pudesse entender aquelas coisas de antiguidade. Naquele tempo, a língua Japonesa não possuia forma escrita, então criaram um troço de escrita chamado Mas-eu-ganho que utilizava um limitado número dos 128361823 carácteres chineses baseados na fala, e não no sentido da tosquera. Mas-eu-ganho, com seu tipo chinês, criou ao longo do tempo, o Rir-com-a-grana (que foi criado através de mafiosas mulheres, já que na época elas não recebiam porra nenhuma de educação superior), e, mais tarde, o Katakakakakanatana (que surgiu por estudantes de monastério que conseguiram simplificar toda esta merda, em uma merda mais grande ainda). Desta forma, Katakakakakanatana e rir-com-a-grana, referidos coletivamente como "Cana Kana", viraram provenientes de Kanjis (talvez você não tenha entendido nada escrito aqui, por que isto parece mesmo é assunto pararelo).

Mas e a origem? Editar

Ficheiro:Kanji.jpg

É simples: Antigamente, antes da época citada, os chineses viviam felizes desenhando coisas escrotas, fazendo vasos de ling, comendo caranguejos feios para caralho cozidos no vapor, escrevendo todas estas coisas toscas, e etc. Mas com o tempo, eles ficaram percebendo que ficar escrevendo toda aquelas palavras já estava enchendo o saco, pois se gastava tempo demais. Além de também eles tiverem obtido conhecimento sobre outras línguas, como portugues e inglês, e ficavam com inveja pois tinha aquelas letras super curtas e eficazes nas outras línguas, enquanto eles precisavam escrever 500 letras sem sentido só para poder pronunciar "eu" ou "você". Por isto, eles rapidamente desenvolveram mais letras escrotas, porém super eficazes e que podem resumir tudo que você possa imaginar, já as chamando de "Kanji", isto por pura imaginação por que eles acharam maneiro. O resto você já viu aí em cima (e se não viu, então é por que você é vagabundo demais. Volte e leia, seu imprestável).

Leituras Editar

Devido a maneira que Kanjis são adotados no pais do sol nascente, Kanjis podem ser utilizados muito para você poder resumir aquelas 200 palavras que você não entende nem com tortura, em apenas uma palavra (na maioria dos casos, são chamados de Esperma Moferma. Qualquer otaku que venha a utilizar Kanjis sempre vai dizer que aquela palavra tosca resume 100 outras palavras toscas e se colocar um risquinho extra, mais 700. Mas como toda boa palavra, sempre existe dependenção de contexto; ou seja, depende do que você ira colocar em tal lugar e tal tempo e tal tudo. Normalmente, Kanjis apresentam 110000 10 ou mais leituras possíveis, categorizados por "On'yomi" (pros chineses) ou "Kun'yomi" (pros japoneses).

Aula prática de Kanjis Editar

Ficheiro:I-love-you-kanji.jpg

Aí vai uma simples prática de como você pode escrever Kanjis:

  • Palavras com conceitos muito juntos podem ter leituras completamente diferentes com 幹線, como por exemplo "higashi" e "kita", leituras "kun", junto com "hokutou" (大) e "porra".
  • Kanjis aparecem utilizando um pouco o "on'yomi" para ser determinado, como por exemplo, "jukugo"(熟語) em japonês. Por exemplo, 情報 jõhõ "esmola", 学校 gakkõ "inferno", 部科学 cõôcco "caralho", 報 e 新幹線 shinkansen "trem-bala", e tudo de 情報 e 新校 (você esta me entendendo porra?).
  • Kanjis que aparecem sozinhos e solitários, são normalemente lidos utilizando "kun'yomi", por exemplo, 月 tsuki "lua", 情け nasake "simpatia", 赤い akai "sangue" (sub), 新しい atarashii "novo", 見る miru "vier", utlizando muito o 赤い e sem se esquecer do 赤い com um pouco de 赤い ta legal?
  • Kanjis tem um terceiro tipo de leitura, lidos pelo significado conjunto e se livrando de besteiras como "on" e "kun". Por exemplo, 大人 siginifica adulto, com 大 (grande demais) e 人 (muito normal), contudo, não é "daijin" nem "oohito" e nem mesmo "wuutiti" se esperando de "on" e "kun", mas enfim, isto é sim "otona", pois é para "adulto" utlizando 大人 e 大人, nada mais de 大人 com 大 (grande demais) e 人 (muito normal), então se esqueça do número 1 e 2.
  • Kanji tem um pouco de 1 e 2, pois assim dá em 大人 e 明後, então não se pode utilizar nasake "simpatia", pois isto da em merda.
  • Existe ainda por cima "myogonichi", que pode dar exemplo de 後後明後日, que consiste de 明("amanhã") + 後(depois) + 日(dia), ou seja, dia depois depois depois depois depois de amanhã do amanhã utilizado em amanhã. Esta merda pode ser resumida como "asatte", que significa "depois de amanhã", mas não tem nada a ver com pronúncias dos kanjis individuais, então se esqueça de tudo dito.
  • Kanji pode significar também 遣っている, mas como 遣っている não presta para fazer "daijin" nem "oohito", então fica mesmo com を受けて.
  • Kanjis não são を受けて, então foda-se a quem escreveu que Kanji é を受けて.
Ficheiro:Kanji1.jpg
  • Muitas vezes não se escreve certas palavras em Kanji, pois isto deve ser por causa daquela palavra ser tão comum e prática de você utilizar em "kana" que se esquece de tosquera de Kanji. Por exemplo, これ, それ, あれ ("kore", "sore", "are") são Kanji de あ mas quase nunca são utilizados> Assim como ある e いる são verbos, cujos kanjis são, respectivamente 有る e 居る, mas por ser muito sacal você perder tempo e paciência escrevendo esses radicais, são mais escritos em "kanas" (あるeいる).

Você conseguiu me entender como é que se escreve Kanjis? NÃO?! Então eu vou melhorar isto para você:


  • Primeiro se escreve この項目では、e depois 日本で使用される漢字を総 com um pouco de 合的に説明する.
  • E agora 日本における漢字は、表音文字である“かな”(平仮名、片仮名)と並んで日本語を表記するための主要な文字となっている。古くは仮名にたいして真名(まな、真字とも)と呼ばれた。漢語に限らず、和語までも漢字で表記する点で他の漢字文化圏の国家とは異なる特徴を持っている。現在、文部科学省の漢字制限(常用漢字、教育漢字), poisを受け dá em ており、その字体も、古典や書道といった特定の分野以外では、常用漢字表に基づいたいわゆる新字体を遣っている.
  • Chega de とされる! Isto da um merda, portanto use これを実証できる証拠はなく、実際には、仏典などにもとづく漢音以前の伝統的な読み方が、時代・地域などを考慮されず. Portanto use Kanjis que possam ser utilizados com: (atenção, as próximas palavras são ilegiveis, portanto cai fora mané!) まとめて「呉音」とされてきた経緯がある。漢音は、奈良時代から平安時代にかけて盛んに送られた遣唐使(主な渡航先は西北部の長安)や留学僧が、唐の首都の長安で学んだ読み方を輸入した。Use sempre 更に鎌倉時代から室町時代にかけ.
  • Kanjis também podem se escrever com 禅僧の留学や関連書の伝来、então use 民間貿易により e 「唐音」と呼ばれる読み方が伝わった。 Não se esqeça de このうち最も体系的なのは漢音で『広韻』や『集韻』と対応関係が見られ. Pois isto dá merda e só se pode utilizar 慣用音は間違って定着したと分かったものなどを大正時代以降こう呼んでい.
  • Kanjis não são 」は日本語の... E muito menos 」は日本語の」は日本語の.
  • Velhos não usam では説明で僧が、usam 唐の首都の長安で学んだ読み方を輸入した, e 更に鎌倉時代から室町時代にかけて、
  • Não odeie, 禅僧の留学や関連書の伝来. Apenas odeie 民間貿易 e chame de merda os に方よ方.
  • Sempre coloque 国字 com um pouco de ある。Isto não chega ao caso, portanto use 漢音は、奈良時代から平安時代にかけて盛んに送られた遣唐使(主な渡航先は西北部の長安)e um pouco de や留学僧が、唐の首都の長安で学んだ読み方を輸 se consegue ある。漢音は、奈良時代から平安時代にかけて盛んに送られた遣唐使(主な渡航先は西北部の長安). Portanto, use com moderação や留学僧が、唐の首都の長安で学んだ読み方を輸.


Conseguiu me entender agora? Se você não esta entendendo nada, provavelmente tem alguém tacando miojo no seu ouvido. Então esta é a parte final:


Ficheiro:Hanji.jpgFicheiro:Hanji.jpgFicheiro:Hanji.jpgFicheiro:Hanji.jpg


Agora me entendeu né?! Se não entendeu, então foda-se, pois quem precisa de aula de otaku é você, e não eu, seu mané de primeira classe!!

Lugares comuns de se ter Kanjis (corretamente ou de ponta cabeça porque o idiota não sabe) Editar

  • Placas
  • Tatuagens
  • Relógios
  • Mangas
  • Placas
  • Sopas (ficam muito bem escondidos)
  • Programas de Ruindows
Ficheiro:Kanji vampire purple.jpg
  • Colares
  • Pulseiras
  • Carros
  • Placas
  • Algumas placas de banheiros
  • Globos terréstres
  • Globos terréstres pequenos
  • Globos terréstres muito pequenos
  • Globos terréstres pequenos demais
  • Globos terréstres pequenos para cacete
  • Globos terréstres sem nome (escroto)
  • Placas
  • Canetas
  • Estojos
  • Placas de novo
  • Mensagens
  • Cartões
  • Cartões de acesso
  • Cartões de acesso bloqueados
  • Placas outra vez
  • Bebidas
  • Bebidas alcólicas
  • Drogas
  • Ha é, eu já havia me esquecido: PLACAS!

Existem também outras 100000000000 utilidades para Kanjis, mas otakus acham isto muito chikuso O.o!

Atualmente Editar

Atualmente, Kanjis continuam sendo utilizados da mesma forma. Ou seja, continuam resumindo muitos carácteres, e continuam sendo escrevidos em apenas 1 ou 2 letras. Na verdade, continua a mesma merda de antes, portanto vá pro saco isto.

Veja Também Editar

en:Chinese languages#The Written Character ja:漢字 ko:한자

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.